quinta-feira, 3 de setembro de 2009

O que é o amor?

Muitos filósofos, pensadores e escritores já tentaram definir o amor. Apesar da complexidade desse sentimento, eu creio que ele esteja nas pequenas coisas do dia-a-dia. Amor é chegar em casa depois de um dia terrível e ver que sua mãe fez o bolo que você adora e está te esperando pra comerem juntos. Amor é deitar na cama e ter alguém em quem pensar; é pensar nesse alguém o dia todo, todo o dia. Amor é ser recebido pelo seu cachorro todo dia em casa, mesmo que você não tenha tempo pra ele; é ter um peixe ao invés de um cachorro e conversar com ele. Amor é quando você encontra um amigo depois de algum tempo e vê nos olhos dele que essa amizade é sincera; é chorar num abraço apertado; é ter uma amiga que deixa o namorado um pouquinho só pra te ouvir e dizer que está do seu lado. Amor é brigar todos os dias com seus pais e ser recebido de braços abertos quando o mundo te vira as costas; é ter um irmão que não é de sangue mas que a vida lhe deu de presente; é ter um irmão de sangue e não ter nada em comum, mas mesmo assim cuidar dele. Amar é abdicar, ceder, transgredir. Amor é isso e aquilo, é tudo o que você procura e precisa.

0 notas de rodapé:

Postar um comentário

Fique a vontade, a época é toda sua.