quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Evidências

No fundo eu ainda susteva a esperança de acordar no dia seguinte, com o sol batendo na minha janela, e constatar que tudo não passava de um pesadelo. Eu acordei, mas tudo o que tinha diante de mim era uma realidade na qual eu não conseguia acreditar, pois era a mais clara, óbvia e evidente que eu jamais poderia enxergar!

1 notas de rodapé:

Lucas disse...

??
:o

Postar um comentário

Fique a vontade, a época é toda sua.